• 05/06/2017
  • 0 Comentários
  • POR Polifrete

Logística de produtos químicos e seus cuidados


A logística de produtos químicos merece cuidados de todos os setores envolvidos, desde o armazenamento, até o transporte e sua destinação final. É necessário que os profissionais envolvidos direta e indiretamente nestes processos sejam capacitados, treinados e atualizados de forma a obter conhecimento sólido da legislação e procedimentos operacionais na manipulação, armazenagem e distribuição.

 

Cuidados com o armazenamento

A melhor forma de manter qualquer tipo de produto químico bem armazenado requer um bom planejamento. Fatores como a necessidade de movimentação dos produtos, as condições de temperatura, de pressão e tipos de compartimentos de armazenagem que serão aproveitados devem ser tratados com muita responsabilidade e cuidado

O tipo de material de fabricação do tanque de armazenagem precisa ser compatível com as características dos produtos químicos. Na identificação do tanque, deve haver informações que indiquem se o produto é perigoso, tóxico, e que medidas são necessárias em caso de acidente. É importante também separar alguns produtos químicos, pois existem alguns que, quando misturados, causam reações de explosões.

Muitos tipos de produtos químicos tóxicos devem ser armazenados em áreas bem ventiladas, que tenham pisos sólidos e prateleiras e sem luz solar direta. Isto significa que, em caso de acidente, a fumaça não vai recolher o produto químico e ele não será absorvido pelos materiais em torno dele. (Uma vez que é absorvido, será quase impossível de remover, tornando toda a área perigosa por um período indefinido de tempo).

A sala de armazenamento utilizado deve ser bloqueada, com acesso limitado ao pessoal treinado para lidar com cada produto, tanto no manuseio quanto no controle de danos. Certifique-se que os recipientes usados realmente se adequam ao tipo de produto químico. Muitos produtos químicos têm necessidades diferentes. Um procedimento muito comum, que talvez seja o mais fácil de esquecer, é verificar se as tampas dos recipientes estão fechadas correta e hermeticamente.

 

O transporte na logística de produtos químicos pede vários cuidados

Para poderem trafegar pelas estradas brasileiras, os caminhões que transportam produtos ou resíduos químicos são obrigados a adotar uma série de medidas de segurança.

Primeiramente, o motorista precisa ser treinado para conduzir produtos perigosos. Na viagem ele tem que levar a documentação com dados sobre a classificação da carga, o fabricante ou importador do produto, as autorizações para circulação e informações de segurança para o caso de acontecer um acidente, além de um kit de emergência pronto para ser usado em caso de acidente.

O caminhão tem que estar em boas condições de manutenção e externamente precisa estar sinalizado com placas indicativas para mostrar o produto (ou produtos) que carrega e seus riscos. A indicação dos perigos é feita por painéis de segurança e rótulos de risco, que trazem números e símbolos indicando a classificação dos produtos transportados e seu enquadramento em uma das classes ou subclasses especificadas na Resolução da ANTT. Existem cerca de 3.500 números ONU relacionando os produtos perigosos. A ONU possui um comitê específico para legislar sobre o assunto.

 

A divisão dos produtos químicos

Na logística de produtos químicos, devemos nos atentar à classificação dos produtos perigosos. Eles são divididos em 9 classes: 1 explosivos, 2 gases (gases inflamáveis, gases não inflamáveis, não tóxicos e gases tóxicos), 3 líquidos inflamáveis, 4 sólidos inflamáveis (substâncias sujeitas a combustão espontânea; substâncias que em contato com água emitem gases inflamáveis), 5 substâncias oxidantes e peróxidos orgânicos, 6 substâncias tóxicas e substâncias infectantes, 7 materiais radioativos, 8 substâncias corrosivas, 9 substâncias e artigos perigosos diversos.

 

O papel do profissional de química no processo

O trabalho dos profissionais da química está presente em toda a logística de produtos químicos.

Na área de transporte, por conhecer as propriedades e características dos produtos químicos, o profissional da química atua na orientação quanto à estocagem e quanto ao transporte propriamente dito, além de atuar na descontaminação dos tanques de carga e no tratamento de resíduos.

Os profissionais da química também atuam em campo, no trabalho de atendimento a emergências ocorridas durante o transporte de produtos perigosos. Eles são responsáveis pela identificação, neutralização e remoção de produtos derramados em consequência de acidentes, definindo quais as ações a serem tomadas para evitar danos à saúde da população e ao meio ambiente.

 

Suporte

A Abiquim – Associação Brasileira da Indústria Química – mantém o Pró-Química, um serviço de informações via telefone para auxiliar as autoridades rodoviárias, o corpo de bombeiros, os produtores e os transportadores a lidar com as ocorrências envolvendo substâncias químicas nas estradas brasileiras.

Como vimos, a logística de produtos químicos requer total atenção e cuidado de todos os envolvidos no processo, desde o armazenamento até a entrega final das cargas. Fique sempre atento às normas e tenha tranquilidade para realizar todas as ações da maneira correta.

 

Polifrete_CTP_Ebook_Frotas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *