• 02/05/2018
  • 0 Comentários
  • POR Polifrete

Os principais desafios da logística brasileira, e como vencer

A logística é uma área complexa, envolve toda a cadeia de suprimentos, planejamento de armazenagem, circulação e distribuição de produtos. Os desafios da logística no Brasil torna o comércio caro e dispendioso, dificultando negócios para comerciantes e importadores, travando a economia brasileira, que se torna cada vez menos competitiva por causa da baixa capacidade de transporte e alocação.

 

Todo ano o Brasil perde muito, com custos logísticos em função de problemas que vão desde a alta burocracia até a limitada infraestrutura de estradas, portos, ferrovias e aeroportos. Muitas empresas procuram ofertar seus produtos e serviços de modo rápido, barato e melhor que seus concorrentes, porém, para que isso aconteça, precisa contornar vários desafios. Confira:

 

1 – Concentração alta no transporte rodoviário: antigamente, as rodovias eram sinônimo de instalação rápida e operação barata, mas, em longo prazo, elas passaram a obstruir a logística do país, porque se tornaram congestionadas, inseguras e perigosas e além disso, encontram-se em péssima situação.

 

2- Falta de Profissionais: existe no setor dificuldade para contratar todos os tipos de profissionais. A razão para essa dificuldade é a precariedade das condições de trabalho, os salários pouco atraentes e o stress da profissão.

 

3 – Transporte e distribuição: é difícil, mas é necessário que as empresas extraiam o máximo de eficiência de seus processos, mesmo quando a infraestrutura é inadequada. É fundamental uma gestão de transportes eficiente, que leve em conta todos os percalços encontrados nas estradas.

 

4 – Investimento em tecnologia da informação: Fornecedores de menor porte sentem dificuldades para investir em TI, mas sua utilização é primordial, já que dificilmente as operações poderão ser controladas apenas manualmente ou com softwares mais simples, como planilhas. Para gerenciar a logística, é fundamental contar com softwares de gestão.

 

5 – Colaboradores capacitados: existem poucos profissionais especializados em logística no país. Colaboradores capacitados possuem noções de economia, infraestrutura, transporte, armazenagem e distribuição. É necessário que pelo menos um funcionário da empresa tenha essas características. Boa alternativa é o próprio dono do negócio se capacitar e ter conhecimentos técnicos apurados e seja o responsável por cuidar da logística ou do negócio.

 

6 – Meio ambiente: de acordo com a da lei nº 12.305, sobre a Política Nacional de Resíduos Sólidos, as empresas produtoras de materiais que podem ser reciclados são responsáveis pelo destino final desses componentes. A cadeia produtiva envolve desde o nascimento até a morte de um produto. Por isso, as empresas têm que estar capacitadas para lidar com essa questão ambiental e pensar em como será o descarte dos seus produtos.

 

7 – Situação crítica das estradas: a falta de infraestrutura nas rodovias nacionais é um dos grandes problemas do Brasil. Além de matar milhares de pessoas ao ano, o mau estado das estradas brasileiras gera prejuízos de bilhões de reais. A falta de recursos e o descumprimento dos projetos são fatores que contribuem para essa precariedade.

 

8 – Conflitos atuais: podemos citar como conflitos atuais, o roubo de cargas, leis que controlam a jornada de trabalho dos transportadores, trânsito congestionado, restrições de horário nas principais avenidas, dificuldade de entregas nos CD´s – Centros de Distribuições etc. São diversos os desafios que os profissionais diariamente tem que enfrentar para manter a estrutura do sistema.

 

Iniciativas para vencer os desafios

 

Encontrar soluções criativas é o grande desafio atual para solucionar e vencer estes problemas. O mercado moderno vem se tornando cada dia mais exigente, situação essa, que obriga inovações por parte das empresas, que precisam se destacar no competitivo mercado.

 

Para isso as empresas precisam implantar um sistema de acordo com as necessidades e andar lado a lado com inovações, principalmente tecnológicas para que esse setor atinja o máximo em funcionalidade.

 

O Brasil ensaia iniciativas para aperfeiçoar a logística nacional. Diversos investimentos do Programa de Aceleração do Crescimento – PAC são realizados em logística. Entretanto, as soluções ainda não geraram os efeitos desejados.

 

Algumas iniciativas também estão sendo implementadas por meio do Plano Nacional de Logística e Transporte – PNL, que visa o melhoramento dos modais, principalmente rodovias e ferrovias. O governo e empreendedores estão investindo em novas tecnologias para uma maior interação da cadeia de suprimentos, que auxilia na reconquista da competitividade.

 

O  Polifrete pode ser mais uma opção para lhe auxiliar na contratação de fretes! Conheça nossa solução.Utilize o nosso aplicativo Polifrete! Clique aqui para baixar.

 

Encontre-nos também nas Redes Sociais:  

 

Twitter

Facebook

GooglePlus

Youtube

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *